Memória RCC

“Quem viu em 1972 esse jeito diferente de falar, vestir-se, cantar e de viver de alguns poucos católicos que participaram de retiros de espiritualidade com os jesuítas americanos Pe. Haroldo Hamm, Pe. Eduardo Dougherty e Jack O’Connel, na cidade de Campinas-SP e em outras capitais brasileiras; não poderia prever que anos depois esse “Rio de Graças” passaria na vida de tantos em muitos lugares do Brasil. Também passou nessas terras longínquas do extremo sul baiano; exatamente aqui, em Teixeira de Freitas.

Foi no ano de 1980, quando Frei Elias, então pároco em Teixeira de Freitas-BA, chega de suas férias na Holanda e outros países da África, onde também viu e resolve reunir a liderança leiga para contar-lhes a grande novidade chamada Renovação Carismática Católica.

Ocorreram algumas reuniões de oração; porém só nos primeiros dias de 1981, chega o Frei Teófilo, seminarista franciscano da turma de teologia, do Seminário de Petrópolis-RJ, que participava de grupo de oração naquela cidade; homem usado por Deus com carismas de curas, ciências e outros. Ele vem por solicitação de Frei Elias. Porém, antes de sua chegada, encontrava-se na cidade para visitar familiares, Lenice Amélia de Sá Martins, professora de um Colégio de Religiosas e atuante em grupos de oração e equipe de evangelização no Rio de Janeiro. Lenice participava de um grupo de reflexão e partilha, no Rio de Janeiro, conhecido por “Discipulado”. Em suas orações, sentia que o Senhor a chamava para uma missão fora das terras fluminenses. Ao chegar a Teixeira, após a Missa de Domingo, procurou o Frei Elias para saber se, na cidade, havia a Renovação Carismática Católica, pois desejava participar do Grupo de Oração, durante sua permanência em Teixeira. Olhando-a fixamente como quem estava diante de uma resposta aguardada, respondeu o Sacerdote: “Não, não há. Mas estou esperando um confrade nosso, o Frei Teófilo, que chegará amanhã. E você com ele iniciarão, ainda esta semana, o Movimento Carismático aqui.” Neste momento, Lenice compreendeu, com mais clareza, o chamado que o Senhor vinha colocando em seu coração. No dia seguinte, segunda-feira, aconteceu o primeiro encontro de Lenice e o Frei Teófilo, na casa paroquial onde receberam por meio do Pastor, Frei Elias, o mandato de orar pelos doentes e dar início ao movimento da Renovação Carismática Católica. Ele próprio, o Frei Elias tomou para si o encargo de convidar pessoalmente aqueles que seriam os primeiros a experimentar, em Teixeira de Freitas, a graça de Pentecostes. Assim, na quarta-feira da mesma semana, teve início um Seminário de Vida no Espírito, para formar os neofitos nos caminhos do Espírito, ou seja, na espiritualidade da Renovação Carismática Católica. Como Frei Teófilo e Lenice teriam que retornar ao Rio, em janeiro, antes de partir impuseram as mãos sobre o Frei Elias, Terezinha Cordeiro, Rita Almeida e Luzia Araújo que receberam o “Batismo no Espírito Santo”. Foram esses irmãos, juntamente com a Ir. Thereza Lunard, que logo depois chegou do Sul onde se encontrava de férias, que deram continuidade ao Seminário e formaram o primeiro grupo de liderança da Renovação Carismática Católica, no Extremo Sul da Bahia. O grupo foi batizado por Emanuel e acontecia na igrejinha subterrânea. Mais tarde, como o número de fiéis aumentou, de maneira considerável, os irmãos passaram a reunir-se na Igreja de São Pedro.

Os prodígios que Deus realizou pelas orações de Frei Teófilo, a caridade de Frei Elias e da Ir. Tereza e o amor de Deus vivenciado nos Encontros Semanais de Oração, proporcionaram um rápido crescimento desse Movimento do Espírito conhecido por Renovação Carismática Católica, neste belo recanto da Bahia.

Chegamos ao início de 1983; um ano bastante significativo para a Renovação Carismática Católica em nossa Diocese. Isso porque exatamente em fevereiro, período de carnaval, no Centro Pastoral de Alcobaça-BA, aconteceu o primeiro Aprofundamento de Oração e Exercício de Carismas, ministrados por Frei Antônio Teófilo, Paulo Roberto Bernardes, Lenice de Sá Martins, ambos do Rio de Janeiro e nossa querida e inesquecível Irmã Tereza.  Muitas bênçãos e graças marcaram a vida de muitos nestes dias.

No mês de março de 1983, atendendo ao convite de Frei Elias e a ordem de Deus, o casal Cláudio e Lina Tota, Lenice de Sá Martins e Cláudio Moisés chegam do Rio de Janeiro para residir, servir a Deus e aos irmãos e trabalhar em Teixeira de Freitas. Cláudio Moisés alguns meses depois retornou ao Rio de Janeiro. Neste momento o Grupo de Oração já conta com mais de cento e cinqüenta componentes. Decidimos reunir na Igreja São Pedro e temos o primeiro Diretor espiritual, O Frei Mário O..F.M.; No mês de julho Frei Mário apresentava os recém chegados do Rio de Janeiro ao novo Bispo Diocesano, Dom Antônio Elizeu Zuquetto o.f.m., que amistosamente nos acolheu como ‘missionários’. E a Renovação Carismática Católica prosperava nestes dias.

Como aconteceu com os primeiros cristãos, o testemunho de vida dos que fizeram a experiência do poder do Espírito Santo na Renovação Carismática Católica os conduziu a uma profunda obediência à hierarquia da Igreja, ; e o poder de Deus se manifestava através  dos vigários e párocos, como Frei Ronaldo e Frei Elias que pediam grupos de oração em suas paróquias. Assim a Renovação se estende por outras comunidades eclesiais em Teixeira de Freitas (Grupos Israel, Canaã, Josué) e pelas cidades circunvizinhas: Alcobaça e Medeiros Neto, depois, Lajedão. No ano seguinte, já pregávamos Seminários de Vida no Espírito de sete semanas em Ibirapoã, Posto da Mata, Cachoeira do Mato, Nova Lídice e Eunápolis.

No ano de 1985, o Frei Mário O.M.F. foi transferido para Belo Horizonte e chegou como vigário a Teixeira de Freitas, o Frei Antônio Teófilo O.M.F (ordenado em 1983); que se tornou o segundo Diretor Espiritual da Renovação Carismática Católica em nossa Diocese.

Cláudio Afonso Tota / Lenice Amélia de Sá Martins

Confira algumas fotos da nossa História:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *